Investigação e Projetos  •  Projetos Transnacionais

OPPORTUNITY – Crises as Opportunities: towards a level telling field on migration and a new narrative of successful integration

Data: 2020-2021
Partilhe:

Duração: Março 2021 (48 meses)

Financiamento: Horizon 2020. Call – H2020-SC6-MIGRATION-2018-2019-2020

Promotor: BEWING

Parceiros:

Bergische Universitaet Wuppertal (BUW) (DE); Coordinamento Nazionale Comunità di Accoglienza (CNCA) (IT); GRDR- migration, citoyenneté, développement (GRDR) (FR); Internationales Forschungszentrum für Soziale und Ethische Fragen (IFZ) (AT); Katholieke Universiteit Leuven (KUL) (BE); Fundatia The Open Network for Community Development (TON) (RO); Rede Europeia Anti Pobreza Portugal Associacao (EAPN Portugal) (PT); University of Ghana (GH); Université Gaston Berger de Saint Louis (UGB) (SN); Erasmus Universiteit Rotterdam (EUR) (Netherlands); Universiteit Gent (UGent) (BE); University of Warwick (WARWICK) (UK); KVS Brussels (BE)

Objetivo:

Tendo por base a ética do diálogo e da abordagem dos direitos humanos, o projeto OPPORTUNITIES propõe uma nova narrativa de integração bem-sucedida que redireciona a atenção para os benefícios da migração, conforme sugerido na Agenda Europeia para a Integração de Nacionais de Países Terceiros (2011), e propondo uma integração mais bem-sucedida dos migrantes.

Principais Objetivos e Pacotes de Trabalho:

· Teorizar e historizar a dinâmica narrativa para compreender a construção, surgimento e relações entre narrativas da Europa (países terceiros), narrativas de deslocamento (trânsito) e narrativas de diáspora (países de destino);

· Desenvolver e operacionalizar uma nova metodologia (Cross-talk) para estabelecer um diálogo justo e auto-representação (Level Telling Field) em encontros transculturais entre migrantes, cidadãos e outros atores relevantes;

· Analisar as mudanças de atitude dos cidadãos em relação aos migrantes nos estados membros através de uma perspetiva dinâmica;

· Analisar o surgimento de, os usos estratégicos e as mudanças nas narrativas de migração [estudo comparativo entre os seguintes países: Itália (país de chegada e de destino); Áustria (país de trânsito); Alemanha (principal destino) e Hungria (não conformidade com a legislação da EU), assim como em dois países de origem (Gana e Senegal)];

· Conduzir uma série de conversas cruzadas para estabelecer zonas de diálogo justas para migrantes, cidadãos e partes interessadas, tanto nos estados membros europeus (Itália,

Roménia, Áustria, França, Portugal, Bélgica) e países africanos (Senegal, Gana, Mauritânia);

· Fortalecer a ideia de novas narrativas e oportunidades baseadas num diálogo justo sobre a migração a partir dos níveis local, nacional e europeu por dois meios: artes performativas e promovendo as condições para um diálogo justo por meio de recomendações de políticas, networking e disseminação de resultados das investigações.